Muito já se falou sobre a coragem, principalmente quando se propaga o ideal de que é necessário ter sucesso em tudo para ser alguém feliz. Mas o que dizer que daqueles que, com excesso de iniciativa, perderam suas vidas por não terem medo de nada? A palestra proposta para os alunos do Programa Educativo Preparando o Futuro nesta semana teve como tema “O belo equilíbrio entre coragem e medo”, da ativista de direitos humanos e deficiência, Cara E. Yar Khan.

Nascida na Índia e criada no Canadá,  fez mestrado em políticas públicas e morou em diversos países, trabalhando nas Nações Unidas. Aos 30 anos, ela foi diagnosticada com uma doença rara de perda de massa muscular, o que nunca a impediu de continuar buscando seus sonhos e atuar na Unicef. Nesse vídeo, ela conta um pouco sobre como aprendeu a importância do equilíbrio entre coragem e medo.

Os alunos da turma 2021 mostraram-se bastante tocados pelo tema e pela garra da palestrante. O estudante Alberto destacou que há momento em que é impossível não sentir medo: “Ter coragem é superar esse medo, é saber aceitar que o perigo existe e mesmo assim acreditar em si e correr atrás daquilo que te motiva. É como nos ensinou Nelson Mandela:’ “a coragem não é a ausência de medo, mas o triunfo sobre ele’”, destacou.

A estudante Júlia ressaltou a importância de não nos deixarmos nos convencer pelas pessoas de que não somos habilidosos o suficiente: “A verdade é que as pessoas com qualquer tipo de deficiência são vistas pela sociedade como incapazes de fazer as coisas, só porque sofrem com alguma coisa são vistas como “inúteis”, mas muitas vezes essas pessoas fazem mais diferença na sociedade do que qualquer outra.”

Já o aluno Diogo destacou a importância de tentar sempre manter a dose certa de cada coisa em nossa vida. “ O equilíbrio entre as emoções é muito importante. Penso que, se soubermos trabalhar com elas, o medo pode ser algo positivo. Ele pode nos ajudar a não perder o controle e a não passar do limite do que devemos ou não fazer. A coragem nos ajuda a ir além, ela é bem importante para corrermos atrás dos nossos sonhos.”

“Devemos adaptar o desejo à realidade para que nossas habilidades se equilibrem com o medo e as dificuldades. Desta forma, é possível fazer um ótimo progresso na nossa jornada para aquilo que almejamos, pois a parte mais difícil de se buscar o novo é justamente isso: começar e adaptar”, defende o estudante Pedro.

A aluna Luana, resumiu a vídeo no pensamento: “Quando o medo tentar nos parar, através das barreiras, e as limitações que a vida ou outras pessoas nos impõem, devemos ter coragem para dar o primeiro passo, mesmo que com lentidão. Mas ter a convicção que, ao final, o plano ou o sonho, será concretizado com sucesso!!”

Equipe ABCJ

#ABCJembuscadeparcerias
#projetosocialjuventude
#preparandoofuturo
#solidariedade
#sucesso
#equilíbrio

OUTROS POSTS QUE VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Ajude a ABCJ: Dados para depósito

Banco Sicredi – 748 Agência: 0738 Conta Corrente: 43182-5 CNPJ: 07965617/0001-90

CHAVE PIX: 07965617/0001-90